7 estratégias inovadoras para captar alunos

Sergio Fiuza

Inspire-se com ideias e exemplos de táticas pouco convencionais para seu processo de captação de alunos.

Tempo de leitura: 7 minutos. Você vai ler sobre as estratégias mais inovadoras da atualidade para captar novos alunos:

  • Ações criativas e palestras em escolas
  • Participação em feiras e eventos
  • Programa de indicações
  • Patrocinar eventos e times esportivos
  • Fornecer simulados e preparação para o Enem
  • Concursos culturais nas redes sociais
  • Oferecer isenções, descontos e bolsas de estudo

Você sabia que o icônico fórum TEDx (a versão independente do TED) começou como um evento universitário?

A University of Southern California queria trazer a experiência das palestras curtas e cheias de boas ideias para sua comunidade local e no dia 23 de Março de 2009, lá estavam 1200 alunos, potenciais alunos, ex-alunos e professores.

Não era um evento convencional, e talvez por isso tenha dado tão certo.

Universidades que apostam em estratégias de captação de alunos que vão além das práticas comuns têm mais chances de serem lembradas e atrair estudantes quando é chegado o momento de escolherem que faculdade vão cursar.

Por isso, separamos algumas táticas que sua instituição de ensino pode aplicar no próximo ciclo de captação para se destacar entre as principais concorrentes.

1 – Promova ações criativas e palestras em escolas

Promova palestras em escolas como estratégia para captar alunos

Não há nada mais estratégico que atingir seu público-alvo prematuramente. Alunos começam a pensar em possíveis cursos e universidades anos antes de terem idade para fazer o vestibular.

Tenha certeza de que você vai estar na lista deles e faça parcerias com escolas da região para realizar ações que tornem sua instituição memorável.

Para a escola, você deve garantir que a atividade terá uma contribuição pedagógica relevante. Para os jovens, você precisa fazer com que ela seja divertida.

Considere oficinas relacionadas aos cursos que sua faculdade oferece, por exemplo — como algumas horas de demonstração do que seriam as aulas de culinária, design de interiores, robótica, engenharia civil ou biomedicina.

Crie um projeto que possa ser concluído naquela oportunidade, ou ofereça novas ferramentas que eles possam explorar.

Outra ideia é criar uma conferência nos moldes do próprio TEDx, citado acima, ou trazer graduandos ou graduados para compartilharem suas histórias, gerarem uma conexão com os estudantes e dividir um pouco da vida universitária e do “mundo real” do mercado de trabalho.

Melhor ainda se eles forem profissionais bem-sucedidos ou tenham seguido carreiras completamente inusitadas, que possam inspirar os adolescentes.

Quer saber mais sobre a importância do profissional especializado em captação de alunos

2 – Participe de feiras e eventos onde seu público-alvo vai estar

Essa dica não é incomum por si só, afinal dezenas (ou centenas) de outras instituições podem estar presentes na mesma feira ou evento que você. O que torna essa tática não convencional é o que você vai fazer para destacar seu estande e sua participação no evento.

Salões estudantis, conferências e outros pontos de contato com jovens são excelentes oportunidades para falar frente a frente com eles, entender suas necessidades e apreensões, sanar suas dúvidas e ressaltar seus diferenciais competitivos.

Basicamente, você tem a chance de concretizar uma venda ou pelo menos cadastrar seus dados para dar continuidade a esse contato no futuro.

Mas além de ser bom de conversa, faz toda a diferença realizar uma ação que seja útil ao aluno, que o faça passar mais tempo envolvido com sua faculdade naquele evento, ou entregar algum brinde que ajude sua instituição a ser lembrada.

Pode ser um totem para carregar o celular que contenha seu logo, uma cabine de fotos que disponibilize as imagens depois na página da faculdade no Facebook, ou um ponto de wi-fi gratuito com o nome da IES, que abra uma tela com algum convite ou oferta quando a pessoa se conecta.

O que quer que seja, invista na criatividade para se diferenciar do resto.

Conheça outras estratégias de marketing offline que podem funcionar para sua IES. 

3 – Programas de indicações

Programas de indicações como estratégia para captar alunos

Oferecer recompensas para alunos que indicarem seus amigos é uma ótima maneira de aumentar o número de potenciais alunos ao mesmo tempo que se fidelizam os já matriculados.

Segundo uma pesquisa da McKinsey, uma pessoa tem 50 vezes mais chance de realizar uma compra se ela for recomendada por uma amigo de confiança. Não é à toa que campanhas de indicações são usuais — lembra quando o Uber chegou ao Brasil e todos tinham um cupom de desconto que insistiam que seus colegas o utilizassem?

Universidades, no entanto, ainda podem se beneficiar mais do chamado Member Get Member (“usuário captura usuário”, em tradução livre) Se você pensa em aplicar o método na sua, leve em consideração os seguintes pontos:

  • Recompense ambos os lados e não apenas o aluno que indica ou o aluno indicado;
  • A recompensa ao amigo indicado deve ser tão atraente quanto (ou melhor) que outras ofertas da faculdade para o público geral;
  • Teste diferentes ofertas para ambas as partes. Em geral, descontos e bolsas são muito bem recebidos, mas produtos e outros prêmios podem ser ainda mais eficazes dependendo do perfil dos estudantes;
  • Ter um prazo para indicações facilita o acompanhamento da campanha, mas um programa contínuo também pode ser vantajoso — faça experimentos.

Você sabia que através de um atendimento de qualidade ao aluno, também é possível gerar o marketing boca à boca e obter indicações? Confira esse artigo para saber como isso é possível.

4 – Patrocinar eventos e times esportivos

Patrocinar eventos e times esportivos como estratégia para captar alunos

O patrocínio é uma forma excelente de construir ou fortalecer sua marca junto ao seu público-alvo. A regra número 1, portanto, é ter certeza de que o evento ou competição em que você aparece como patrocinador o está atingindo.

A número 2 é entender se as associações feitas têm relação com a imagem que você quer passar. Por exemplo: uma universidade tradicional da área de tecnologia provavelmente não se encaixaria como patrocinadora de um festival de música, apesar da presença massiva do público jovem.

Da mesma maneira, uma faculdade especializada em audiovisual não deveria ver muito sentido em ter sua marca estampada na camisa de uma equipe de vôlei local, ainda que isso transmita dinamismo e possa ter grande impacto regional — em vez disso, talvez pudesse investir em um concurso de curta-metragens.

Patrocinando o evento certo, além da visibilidade para os participantes presentes, há oportunidade de gerar mídia espontânea, caso ocorram comentários e notas na imprensa. Certifique-se apenas de que o investimento é viável e de que sua instituição estará em evidência em algum momento para quem realmente importa.

Conheça práticas efetivas de marketing educacional para potencializar a captação da sua IES.

5 – Forneça simulados e preparação para o Enem abertos a todos

Forneça simulados como estratégia para captar alunos

Nós lembramos mais de organizações quando elas nos oferecem algo de que estamos precisando no momento certo. Na época de vestibular, alunos agarram as chances que têm de se prepararem para obter uma boa pontuação e você pode agarrar a chance de ajudá-los e causar um impacto em sua tomada de decisão.

Ao promover aulões e simulados, você também tem a oportunidade de abrir as portas da instituição e permitir que potenciais alunos conheçam as instalações. Portanto, não só capriche na campanha, no conteúdo que será passado ou testado e na organização logística; capriche na ambientação do espaço e nas interações.

Receba bem os participantes, induza o sentimento de pertencimento e entregue brindes úteis para serem usados em sala ou em outros contextos e que servirão como recordação. Se tudo correr bem, você vai fazer com que eles saiam pensando “quero estudar aqui”.

Tão importante quanto atrair novos alunos é divulgar corretamente as informações de seus cursos. Tenha acesso ao checklist definitivo de divulgação de cursos e saiba mais sobre o assunto.

6 – Promova concursos culturais nas redes sociais

Concursos culturais costumam gerar bastante engajamento, quando bem conduzidos, e aumentar o alcance da sua instituição entre as redes de contatos dos participantes.

Para ser caracterizado como um concurso cultural, no entanto, algumas regras devem ser seguidas — e elas estão, inclusive, previstas em lei.

Primeiro, deverá ser proposto um desafio aos participantes, para que produzam algo como uma peça de arte, um vídeo ou um texto. As entradas devem ser julgadas segundo critérios estabelecidos em regulamento e a seleção dos vencedores não pode ser baseada em sorteio ou exigir que competidores realizem alguma compra.

Um exemplo efetivo é o da faculdade Cásper Líbero, que convidou o público a tirar uma foto em frente às escadarias da universidade, em São Paulo, e publicá-la nas redes sociais Twitter ou Instagram com a hashtag #eunaCásper.

As 10 imagens mais bem avaliadas por uma comissão de profissionais da área de comunicação e fotografia foram premiadas com um curso livre da instituição no valor de até R$ 500,00.

Um dos critérios de desempate seria o número de curtidas nas fotos, por isso também era incentivado o compartilhamento delas com os amigos, que automaticamente entravam em contato com a marca da faculdade ao distribuírem seus likes.

Descubra os segredos do Facebook e como ele pode ajudá-lo a atrair mais alunos.

7 – Ofereça isenções, descontos e bolsas de estudo

Por desempenho no vestibular, por renda ou como estratégia de precificação: bolsas e descontos sempre têm retorno positivo na captação de alunos. Inclusive, eles podem ser fatores determinantes em um processo de decisão.

O vestibular social, por exemplo, é uma seleção feita em algumas universidades particulares direcionada para estudantes de baixa renda. Oferecendo bolsas de estudo geralmente entre 50% e 100% no valor da mensalidade, essa ação pode atrair muitas inscrições para seu processo seletivo.

Vale também usar plataformas como o Quero Bolsa para oferecer preços mais competitivos e poder ser encontrado mais facilmente por alunos que buscam exatamente o que você oferece. Assim, sua faculdade também evita turmas com vagas ociosas.

Além disso, muitas vezes oferecer descontos aumenta as taxas de retenção e resulta em alunos mais dedicados, que levam o nome da universidade adiante e podem se tornar casos de sucesso em um futuro próximo.

Saiba aqui a importância de estar em uma plataforma marketplace e os principais benefícios dessa prática.

Destaque-se

Quando os números já não estão crescendo como em semestres anteriores, é hora de inovar — não espere até que eles fiquem estagnados. O mercado é concorrido, mas ainda há um vasto território inexplorado por universidades quando o assunto é marketing. E sair do óbvio é ingrediente chave para se destacar.

Vale dizer, entretanto, que não há nada de errado em utilizar estratégias de captação de alunos que sejam convencionais. Mas cabe a você usar a criatividade para adicionar elementos inusitados em canais comuns que façam sua instituição ser lembrada por mais gente.

Aproveite também para baixar gratuitamente o super kit de Plano de Marketing para captação de alunos que fizemos em parceria com a Rock Content e aumente o potencial da sua IES:

Muito RuimRuimRegularBomMuito Bom (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

7 estratégias inovadoras para captar alunos

Tempo de leitura: 8 min